Estão entre nós aqueles que para uns são invisíveis, para outros são até, em certos termos, palpáveis. Estão entre nós os que já vieram e testemunharam a vida e tomaram do cálice da morte. Sim, estão entre nós também formas que nem o cinema pode imaginar, formas que podem dilacerar a mente e o coração do mais bravo Hércules, formas das mais horrendas às mais belas. Cego esteve aquele que perseguiu seu coração por tanto tempo, quis sangrar o pequenino que era maior do que a própria galáxia. Ficaste cego tu que não ouves a ti próprio. Não há luz que cega, há apenas idiotas que não abrem os olhos. Tragam para dentro de si evocando o poder e a essência primeira, verdadeira e cósmica. Esta revela a outra face do abismo que não cai e sim sobe, pois não se pisa para cair, só se pisa em campos verdes e se avista palácios de prata e de ouro. Para falar com o invisível medita no nada, pois o exército da mente quer invadir a sagrada Jerusalém, mata todos eles em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, daí então traça ao universo e te colocas como senhor no centro dele. Não te esqueças do delta ao lado do qual quer falar.

Tua vontade é verdadeira, pois se não for certamente falharás e nem senhor do quarto onde meditas és, pois divide espaço com os “bravos” guerreiros da mente. Não adianta chorar, nem esbravejar contra as fraquezas e as infelicidades, só dará mais mel para, posteriormente, as abelhas te picarem. “Orai e vigiai” diz o mestre e eu vos pergunto para que? “Para que não caias em tentação” obviamente evocai-o antes de qualquer empresa.

Olhas tu no teu reflexo e te concentra, lá é onde é aqui e aqui é onde é lá. Tu apontas bem afiada tua arma, com amor e vontade no coração sempre seja lá quem for, porém seja sábio de não confiar em nada que não em você mesmo. Tu podes me seguir e te darei as honras do mundo e dos homens diz tanto o “certo” quanto o “errado” vós, pois certamente preferirás seguir a tu mesmo que é o menos tolo de todos. Pois que senhor é que segue outro senhor? Tenhamos respeito e por isso ajoelhai na cruz e na verdade, pois vieram sob os valores dos cavaleiros.

Enquanto os sacerdotes cultuam ou “Deus” ou o “demônio”, enquanto alguns procuram se vangloriar de seu “religare”, os diabos nos servem chá e os tomamos em roda eu, o Cristo e outros. Glória seja dada ao Senhor e morte aos pagãos, satanistas e afins, e o Senhor vos diz, “Pai, perdoa eles, pois não sabem o que fazem” e eu vos digo, vocês já foram crucificados? Pois se não foram acredito que deva doer um bocado, porque continuam a
matar o mestre?

Sangrar a criança em si mesmo é cometer a pior pedofilia. Contorço-me de pensar que uns sentem prazer nisso.

Porém este também é um método de contato com o invisível, pois na ignorância se encontra com ignorante, e estes escoram em você e, sozinho, um bebê escora a porta de Jerusalém com uma grande estaca impedindo um batalhão de arrombá-la com um gigante aríete de imbecilidade. Somente um detalhe meu caro, você é um dos que comandam esse ataque.

Podemos reclamar depois que Jerusalém queimar, mas já dizia o mestre “eu reconstruo a Casa de meu pai em três dias” e vão rir deste, porém se o mago faz o que quer através do triângulo sagrado, porque aquele que é antes e todos os magos não o fará em três dias?

Olhai com atenção e crê que entre seu universo e os multiversos não há praticamente diferença alguma, há diferença daquele que sabe do que não sabe e geralmente o que sabe é senhor de mais de um universo, amai então ao próximo como a ti mesmo.

Deixar resposta

Seu endereço de email não vai ser publicado.